Quarta sangrenta em Betim: ao menos seis pessoas foram assassinadas

A noite da última quarta-feira (11) foi marcada pela violência em BETIM. Segundo a Polícia Militar (PM), ao menos seis pessoas foram assassinadas no período das 18h às 23h59. Um dos crimes aconteceu em uma rua do Conjunto Habitacional José Gomes de Castro. De acordo como tenente da PM, Pedro Henrique Araújo, com informações que conseguiram levantar, dois indivíduos em  um veículo escuro desembarcara e começaram a efetuar disparos contra algumas pessoas que estavam na calçada.

Segundo os militares, as vítimas não têm passagens pela polícia, mas, segundo informações, tinham envolvimento com o tráfico.

Uma das vítimas foi Valdir da Silva Júnior, que completaria 20 anos na semana que vem. Ele morava com a família na mesma rua e morreu no local. Cleuma Alves, sua mãe, informou que o jovem estava jantando quando ouviu o barulho dos tiros. Ele teria saído e sentou com os amigos, como era de costume, ficarem sentados até tarde e conversar. Ela também confirmou que ele era usuário de drogas. “Que eu sei, ele fumava maconha, mas, assim, ele não era envolvido com nada”.

De acordo com a PM, seis pessoas morreram em Betim assassinadas a tiros. Em nenhum dos homicídios os suspeitos foram identificados e presos. “Não sabemos se existe a vinculação entre eles, o que será investigado pela Polícia Civil”.

Curta essa Matéria